1 2 3 4 5 6 7

Úlcera Duodenal

 

É a afecção mais comum no aparelho digestivo, afetando cerca de 10% da população ou mais. A causa tem se tornado mais clara ultimamente. Com este melhor entendimento da doença, novas e melhores maneiras de tratamento e mesmo cura das úlceras tem-se tornado realidade.

Anatomia e função do estômago e duodeno

O estômago produz muito ácido. Este ácido ajuda na digestão dos alimentos antes de entrar no duodeno (primeira parte do intestino delgado). Há uma fina camada de muco que previne a ação corrosiva do ácido na parede do estômago e duodeno.

Quais as causas da Úlcera

A úlcera é um ferimento no revestimento interno do estômago ou duodeno. As úlceras são geralmente causadas pela ação do ácido e pepsina, uma enzima digestiva do estômago. Uma revolucionária descoberta tem sido mostrada por uma bactéria, Helicobacter pylori.

Helicobacter Pylori ( H. Pylori )

É o nome que identifica a causa da maioria das úlceras, excluindo aquelas causadas por aspirina ou antiinflamatórios. Esta bactéria tem a forma espiralada e vive na camada de muco do estômago. Esta infecção produz uma inflamação na parede do estômago provocando a gastrite. O organismo desenvolve um anticorpo no sangue contra a bactéria. A bactéria provavelmente é adquirida por alimentos ou água contaminados. A bactéria danifica a camada protetora de muco permitindo a ação do ácido sobre o estômago ou duodeno provocando a úlcera.

Aspirina e drogas anti-inflamatórias

Medicações anti-reumáticas incluem feldene, voltaren, endocin e muitos outros. Como com a aspirina eles podem danificar a camada de muco no estômago e duodeno após o qual o ácido do estômago causa a lesão final. Assim o Helicobacter pylori e certas drogas são os dois maiores fatores que causam as úlceras. Em raros casos os pacientes produzirão uma quantidade muito alta de ácidos e desenvolverão úlceras. Esta condição é chamada Síndrome Zollinger Ellison. Finalmente, algumas pessoas têm úlcera sem saber a causa.

Sintomas

A úlcera geralmente causa dor e queimação na parte superior do abdome. Estes sintomas são mais freqüentes em jejum e aliviam com alimentação e leite. A sensação de queimação pode ocorrer na alta madrugada fazendo a pessoa acordar pela dor. Antiácidos e leite usualmente oferecem alívio temporário. Alguns pacientes sem queixa dolorosa têm fezes negras, indicando uma úlcera hemorrágica. A hemorragia é uma complicação muito séria das úlceras.