(35) 3423-6405 / (35) 3422-5727

Videolaparoscopia

"Láparos" vem do grego e significa abdômen. Laparotomia é a cirurgia que incisa a parede abdominal para operar as estruturas e órgãos intra-abdominais. Já a Laparoscopia é uma maneira de olhar dentro do abdômen, através de uma pequena incisão por onde se introduz uma lente que é o laparoscópio.

Até alguns anos atrás, era realizado apenas diagnóstico laparoscópico ou eventualmente a retirada de pequenas porções de tecido para análise anatomopatológica.

A Cirurgia Laparoscópica, com operações mais extensas, ressecando inclusive órgãos mais variados, desenvolveu-se bem mais recentemente.

Quando realiza-se uma operação Videolaparoscópica, uma pequena câmera é inserida no abdômen, permitindo que o cirurgião conduza e visualize a cirurgia através de um monitor de vídeo.

A câmera e os instrumentos cirúrgicos geralmente são inseridos por pequenas incisões feitas na parede abdominal.

Os procedimentos laparoscópicos para a cirurgia da obesidade utilizam os mesmos princípios da aberta e produzem perda de excesso de peso da mesma forma.

Para compreender como se realiza a Laparoscopia, descrevem-se os seguintes passos:

  • A cavidade abdominal é virtual, isto é, todos os seus órgãos e estruturas encostam-se uns aos outros.
  • Para introduzir o laparoscópio, a cavidade deve ser distendida. Isso é feito através da introdução de gás que separa os diversos órgãos, permitindo introduzir com segurança o laparoscópio. Usa-se um aparelho, o insuflador, que faz o controle das medidas do volume e da pressão do gás insuflado, informando o médico se o procedimento está correto.
  • Uma vez a cavidade adequadamente distendida, introduz-se uma lente de luz fria, que transmite imagem clara a um monitor de vídeo por meio de um sistema de fibras ópticas. A lente é o laparoscópio.
  • Após esses procedimentos iniciais, o cirurgião está pronto para introduzir, através de pequenas incisões, os instrumentos com os quais vai operar.
  • Esses instrumentos são muito similares aos usados em cirurgia tradicional, só que bem mais delicados.
  • Essa introdução de instrumentos já é feita através de visão direta, pois o laparoscópio já está dentro do abdômen transmitindo as imagens para o monitor de vídeo.
  • Nesse momento, o cirurgião tem condições de avaliar as alterações existentes e programar a operação que pretende executar.


Benefícios:

A Cirurgia Laparoscópica é um grande avanço tecnológico que proporciona muito mais conforto ao paciente.

Afinal, ela é menos invasiva, causa menos dor pós-operatória, a permanência hospitalar é mais curta e a recuperação para as atividades normais do paciente é mais rápida.

Comparada à Cirurgia Aberta, alguns benefícios da Cirurgia Laparoscópica incluem:

  • Menor dor pós-operatório;
  •  Menor infecção nas feridas (incisões);
  •  Menor ocorrência de hérnias incisionais;
  •  Rápida recuperação e retorno à atividade.